Pesquisar

Talvez seja só mau feitio!

Paulinho, o…desapegado? do poder…

E eis que hoje, o Paulinho das feiras diz adeus à vida política. Continue reading “Paulinho, o…desapegado? do poder…”

Anúncios

Não é mau feitio. É mesmo Natal…

Sim, está aí o Natal. Época de paz, amor, enchimento do bandulho, prendas inúteis e luzes esquizofrénicas. Continue reading “Não é mau feitio. É mesmo Natal…”

Temos canais, já só nos falta a televisão…

Isto não é televisão. É uma ferramenta de estupidificação. E dê lá por onde der, a televisão portuguesa resume-se muito rapidamente… Continue reading “Temos canais, já só nos falta a televisão…”

O perigo do engate

O acto de “engatar” é para muitos, assustador pelas figuras ridículas ou possíveis rejeições. Do meu ponto de vista, há muito mais para além disso: engatar é simplesmente perigoso… Continue reading “O perigo do engate”

Movimento poia express

“Tão giro que é ter um cão. Anima a casa, entretém os putos e mais umas coisas…”

É capaz de ser este o pensamento das bestas bípedes que passeiam os seus cães pela rua. Ou melhor, pelo cagatório público. Sim, porque é o que as ruas são para muitos portugueses que por aí passeiam os seus cães. Quem é que não passa frequentemente por passeios com mais cagalhotos desprezados do que pedras da calçada? Continue reading “Movimento poia express”

Videojogos ou copinhos de leite

Estamos numa era em que sem dúvida, os videojogos têm um lugar de destaque. Afinal, lá se tornou numa das mais lucrativas indústrias do mundo. E quem de nós nunca perdeu umas horas agarrado a essas coisas? Desde o velhinho Tetris passando por toda a espécie de consolas portáteis e fixas que entretanto foram surgindo, e obviamente os pc’s. Hoje, os jogos parecem-se mais com filmes onde se controlam os personagens com um comando. Espantoso para uns, perigosíssimo para outros. Continue reading “Videojogos ou copinhos de leite”

Não façam confusões. Ou se é actor, ou se é ator…

Com a quantidade maluca de telenovelas e séries portuguesas que têm surgido nos últimos anos, surgiu obviamente uma vaga de pessoas que aparecem nessas mesmas produções. Poderia dizer que apareceu uma vaga de novos actores, mas olhando para a maioria destes, penso que é injusto usar uma palavra pela qual tenho tanto respeito sem que o sejam realmente. Continue reading “Não façam confusões. Ou se é actor, ou se é ator…”

Calçada portuguesa e a arte contemporânea

É uma das marcas da cultura portuguesa e que tantos estrangeiros apreciam quando visitam Portugal. A calçada portuguesa está para os calceteiros como uma tela estaria para Picasso. Aliás, talvez os calceteiros portugueses estejam ligeiramente à frente num aspecto. Literalmente, fazem arte recorrendo a pedras que variam entre aquele branco comum e as que se aproximam mais do azul. Continue reading “Calçada portuguesa e a arte contemporânea”

Dedos esquizofrénicos

Os avanços da tecnologia Têm aumentado o contacto que todos nós temos com toda a espécie de dispositivos preenchidos de botões, teclas, interruptores, etc… Nada disto é novidade. Ainda assim, muitas pessoas continuam com uma estranha relação com estas coisas, sem que isso seja por dificuldade em lidar com a tecnologia actual. Depende sim da posição desses mesmos botões. Continue reading “Dedos esquizofrénicos”

Create a free website or blog at WordPress.com.

EM CIMA ↑